SME/DTP farão em setembro atualização obrigatória do cadastro de todos os condutores do TEG

Segundo a SME/SMT, o objetivo da atualização é concluir o processo de informatização da gestão do Transporte Escolar Gratuito (TEG) na capital, no intuito de melhorar a gestão e o controle das informações.

Na primeira fase do processo, já concluída segundo as secretarias, foram cadastrados os veículos e condutores. Na segunda fase, serão cadastrados os dados de viagens e educandos.

Para esta 2ªa fase, haverá o registro das viagens vinculando-as tanto ao veículo quanto ao condutor/monitor responsável, além da vinculação aos mesmos de cada criança transportada por eles.

Até o momento esse processo de controle é manual, através de fichas de controle, e agora a intenção da SME é deixá-lo inteiramente on-line e informatizado, para melhor controle e gestão.

Ainda segundo a Secretaria, a previsão de implantação completa do sistema é para o mês de Outubro.

Cada DRE a qual o condutor escolar é vinculado ficará responsável em organizar esse processo de atualização de cadastro conforme seu cronograma.

Para o cadastro, o condutor escolar deverá comparecer na DRE levando os seguintes documentos:

– DO CONDUTOR:
1. Termo de Adesão ou Contrato Emergencial e a Ordem de Serviço emitida pelo DTP;
2. CPF;
3. Comprovante de residência;
4. Papel anotado com os seus telefones de contato e e-mail

– DO MONITOR:
1. RG / CPF
2. Comprovante de residência
3. Papel anotado com os seus telefones de contato e e-mail.

Como falamos anteriormente, cada DRE fará seu próprio cronograma, desde que faça o referido cadastro no período de 08/09/16 a 26/09/16, última data para que os dados estejam todos inseridos no sistema.

A DRE Santo Amaro já se pronunciou solicitando aos condutores escolares vinculados à mesma que compareçam com a documentação listada acima NO DIA DA ASSINATURA DO DEMONSTRATIVO, quando deverão levar todos os documentos originais listados, para que a DRE providencie as cópias no momento do atendimento.

Segue abaixo o Comunicado Oficial da SME/SMT, na íntegra:

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO /COORDENADORIA DE GESTÃO E ORGANIZAÇÃO EDUCACIONAL- SME/ COGED
SECRETARIA MUNICIPAL DE TRANSPORTES / DEPARTAMENTO DE TRANSPORTES PÚBLICOS – SMT/DTP
Informativo SME/COGED- SMT/DTP nº 009 de 05/09/16
Senhores (as) Diretores (as) Regionais de Educação
Senhores (as) Condutores (as) Credenciados (as)

CONSIDERANDO:
– a necessidade de informatizar os dados e as informações do Programa de Transporte Escolar Municipal Gratuito – Vai e Volta;
– a importância da implantação do sistema informatizado de Transporte Escolar Municipal Gratuito – Vai e Volta para a melhoria da gestão e monitoramento do programa;
– o Planejamento Estratégico da SME, no eixo Modernização da Gestão;

INFORMAMOS:
1- As informações e dados sobre o Programa de Transporte Escolar Municipal Gratuito- Vai e Volta serão informatizados no sistema Escola On Line – EOL.

2- O sistema Vai e Volta compõe-se de 2 (duas) fases:
– 1ª fase: Gestão de Veículos e Condutores – cadastros novos;
– 2ª fase: Gestão de Viagens e Educandos – adequações ao módulo existente.

3- A fim de assegurarmos a implantação do sistema, prevista no Planejamento Estratégico, no eixo: Modernização da Gestão, a 1ª fase está concluída. As necessidades e sugestões se caracterizarão como aperfeiçoamento do sistema.

4- A 1ª fase – Gestão de Veículos e Condutores – cadastros novos, consiste no cadastro de condutores, monitores, contratos e ordens de serviço emitidas pelo Departamento de Transportes Públicos – DTP e será executada pela DRE.

5- A 2ª fase – Gestão de Viagens e Educandos – adequações ao módulo existente, abrangerá o registro das viagens, a vinculação dos condutores/ monitores cadastrados às UEs e dos educandos aos condutores/ monitores. A previsão de implantação é para outubro/2016 e será executada pela DRE (vinculação de condutores às UEs) e pelas Unidades Educacionais (vinculação dos educandos aos condutores/ viagens).

6- É imprescindível que todas as alterações referentes ao cadastro de condutores sejam atualizadas no sistema, tornando a gestão do Programa mais eficiente e transparente.

7- Para a implantação da 1ª fase, a DRE deverá comunicar aos condutores do Programa a necessidade de comparecimento para realizar a coleta de informações essenciais para o cadastro. Essas informações constam no Termo de Adesão / Contrato Emergencial e na Ordem de Serviço emitidas pelo DTP, além de outras informações pessoais.

8- A DRE deverá organizar um cronograma para comparecimento dos condutores para solicitar aos mesmos as informações necessárias para o cadastro completo no sistema.

9- Os condutores deverão comparecer à DRE, munidos do Termo de Adesão, CPF e as seguintes informações do respectivo monitor:
– data de nascimento;
– endereço;
– telefone;
– e- mail.

10- A DRE deverá providenciar cópia dos Termos de Adesão para inserir as informações no sistema, juntamente com a Ordem de Serviço do condutor emitida pelo DTP e adotar esse procedimento para os novos condutores credenciados. Esses documentos deverão ser arquivados na DRE.

11- Os condutores deverão ser informados que todas as alterações que resultem em nova emissão de Ordem de Serviço, a mesma deverá ser entregue na DRE e UEs.

12- A DRE poderá elaborar uma “Ficha Cadastral” contendo as informações necessárias para preenchimento do condutor e posterior registro do cadastro no sistema.

13- O cadastro de todos os condutores da DRE deverá ser realizado no sistema Vai e Volta – EOL no período de 08/09/16 a 26/09/16.

14- O manual de procedimentos para acesso ao sistema EOL – Vai e Volta compõe o Anexo Único deste Informativo.

Atenciosamente,
SME/ COGED
SMT/DTP

Por Antonio Félix