Educação SP: cresce em 33% o número de alunos com autismo

O número de estudantes com Transtorno do Espectro Autista (TEA) atendidos pela rede estadual de São Paulo cresceu 33% no último ano. No total, a rede estadual de São Paulo e as instituições conveniadas atendem juntas 7.788 alunos com autismo, segundo dados de janeiro deste ano.

Em maio do ano passado, eram 5.828 matrículas. Vale lembrar que no último dia 02 de abril foi comemorado o Dia Mundial de Conscientização do Autismo. Somente nas escolas estaduais de São Paulo houve um aumento de 30% no último ano.

Em maio do ano passado, o número de alunos com autismo na rede era 4.031; em janeiro deste ano, as matrículas saltaram para 5.261. Se comparado a maio de 2016, o aumento na matrícula de alunos autistas na rede estadual de São Paulo somente nas escolas regulares cresceu 94%. Em 2016, eram 2.711; hoje são 5.261.

Aumentou também o número de alunos com autismo atendidos exclusivamente por meio de Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apaes) e outras instituições conveniadas. Houve um aumento de 40% no último ano. Em 2018, havia 1.797 alunos atendidos por meio dessas entidades; agora, em 2019, são 2.527.

Com informações do Portal do Governo de SP