Ônibus escolares são incendiados em Embu-Guaçu e vaquinha é feita para comprar novos veículos

Três ônibus foram incendiados na madrugada da última sexta-feira, dia 9, em Embu-Guaçu. Os veículos estavam estacionados próximo ao Bar do Peixe, quando criminosos atearam fogo, de acordo com os proprietários. Os coletivos eram usados como meio de trabalho de três motoristas e, para ajudá-los a comprar novos veículos, uma vaquinha online foi criada pelos familiares.

“Nessa madrugada, criminosos colocaram fogo em dois ônibus de viagem que estavam no estacionamento, entre eles tinha o ônibus escolar do senhor Luiz Carlos, que trabalhou a vida toda e com muito sacrifício comprou seu ônibus. Era simples, mas levava o sustento para ele e sua família”, disse indignada uma das filhas do dono do ônibus.

O ônibus escolar queimado fazia o transporte de alunos na cidade. Em um vídeo gravado por uma das pessoas que presenciaram o ocorrido, é possível ver as chamas tomando conta dos veículos e o desespero de quem estava ao redor (clique AQUI para assistir).

A prefeitura de Embu-Guaçu, em seu site, comunicou na segunda-feira, 12, que não haveria transporte, mas não citou o incêndio como causa do cancelamento:“A secretaria Municipal de Educação comunica que hoje, 12/08/2019, não haverá Transporte Universitário devido a necessidade de elaboração e assinatura do contrato junto à Empresa Priscitur Turismo. Os Universitários deverão acompanhar as publicações pelo site da Prefeitura Municipal de Embu-Guaçu e/ou Secretaria Municipal de Educação”.

“Hoje é um dia muito triste [..] as famílias estão desoladas, sem chão. Infelizmente. Então decidi fazer essa vaquinha para ajudá-los a recomeçar”; diz a filha, que acrescenta sobre o motorista escolar “um homem bom que sempre ajudou as pessoas sem olhar quem era”.

A pessoa que desejar ajudar, pode entrar AQUI no link da vaquinha e doar qualquer quantia. Ao todo, a família precisa arrecadar cerca de R$ 210 mil.

Com informações do Jornal na Net