Mesmo com demonstrativo assinado e NF emitida, Prefeitura de SP demora a pagar transporte TEG

Os condutores escolares do TEG, que imaginaram estar recebendo poucos dias após a assinatura do Demonstrativo de Pagamento (DEMOP) e emissão da Nota Fiscal de Serviços (NFSe), não viram ainda um centavo na conta até hoje (03).

Segundo informações, após o lançamento da Nota Fiscal pelo departamento financeiro da Prefeitura, é feito o empenho e é liberado o crédito na conta corrente do prestador de serviços em até 03 (três) dias úteis.

Quando este lançamento da NF é feito pelo financeiro da Prefeitura, já é possível ao prestador de serviços consultar a data que cairá o crédito em sua conta.

Para consultar se a NF já foi lançada e qual a previsão do crédito, acesse em nosso portal Escolarweb a opção LINKS UTEIS e depois a opção PREFEITURA DE SAO PAULO e depois a opção CONSULTA PAGAMENTOS DO TEG.

No link aberto, preencha com os dados que constam no seu Demonstrativo de Pagamento (DEMOP): CNPJ e Número do Processo.

E mesmo que sua NF tenha sido emitida na semana passada, ainda na segunda-feira (25/abr), como é o caso do exemplo que usamos aqui na imagem dessa matéria, se ela não foi lançada ainda pelo financeiro da Prefeitura, não encontrará nenhuma previsão de pagamento.

Para este contrato, a NF foi emitida na mesma data de 25/abr e encaminhada para a DRE São Mateus (SM), porém não há nenhuma informação de pagamento na consulta ao financeiro da Prefeitura.

Observa-se também que o pagamento anterior caiu em 15/abr, referente ao mês de fev/16, cuja data correta de pagamento seria em 29/mar. Após consulta, observa-se que a NF referente a este crédito de 15/abr foi emitida em 28/mar, um dia antes da data do pagamento correto.

Portanto, impossível de cumprir o prazo de pagamento no dia 29/mar quando a Prefeitura liberou o DEMOP (Demonstrativo de Pagamento) e houve a emissão da NF somente no dia 28/mar.

Enquanto não houver a solução do processo interno nas Secretarias municipais, dificilmente o pagamento do TEG (Transporte Escolar Gratuito) sairá no dia correto.

Diante do impasse e da falta de resposta da Prefeitura, os condutores escolares do TEG começam a se organizar para uma paralisação de protesto pelos constantes atrasos no pagamento por parte da Prefeitura.

Por Antonio Félix