Audiência pública sobre o TEG foi aprovada pela Comissão de Transportes da Câmara-SP para o dia 29 de novembro

Durante reunião realizada hoje, dia 22 de novembro, a Comissão de Transportes aprovou a realização de uma audiência pública para tratar sobre o transporte escolar gratuito (TEG).

A reunião de hoje tratou da antecipação do valor de multas lançado pela atual gestão, além de também esclarecer dúvidas sobre a fiscalização da velocidade média entre dois radares, recentemente implantada.

A audiência pública que tratará sobre o TEG será realizada na próxima reunião da Comissão, no dia 29 de novembro e o pedido da audiência partiu do vereador Adilson Amadeu (PTB).

O vereador explicou que foi procurado pela categoria dos escolares, que reclama da falta de informações sobre o que vai acontecer com esse importante serviço prestado pela Prefeitura de São Paulo.

“Eu estou requerendo que venham aqui as pessoas habilitadas das Secretarias de Educação e Transporte, além das cooperativas de peruas (sic) escolares. E nós vereadores, que somos fiscalizadores, vamos querer saber o que vai acontecer em 2018”, diz o vereador.

A questão agora é saber se o Secretário de Educação irá comparecer, vez que em algumas das últimas reuniões realizadas sequer havia um representante daquela Secretaria, até mesmo um mero assessor, quanto mais o próprio secretário.

O horário da audiência pública ainda não foi divulgado, mas as reuniões da Comissão de Trânsito e Transportes geralmente ocorrem no horário entre 12:00h e 13:00h, sempre às quartas-feiras.

Anteriormente ao agendamento desta audiência pública já há um movimento de transportadores escolares para uma manifestação em frente à Prefeitura de São Paulo no Viaduto do Chá no dia 07 de dezembro, no término do ano letivo.

Então, para não confundir as datas, segue abaixo o cronograma resumido:

 

– 29/Nov, quarta-feira:

Audiência pública na Comissão de Viação e Transportes;

 

– 07/Dez, quinta-feira:

Manifestação em frente à PMSP no Viaduto do Chá.

 

Assim que soubermos maiores detalhes sobre as reuniões ou audiência pública faremos divulgação neste portal.

Por Antonio Félix