Licitação do transporte escolar gratuito de Guarulhos continua suspensa, e poderá incluir empresas e não somente autônomos

Os condutores do transporte escolar na rede pública de educação de Guarulhos continuam trabalhando por contrato emergencial.

A escolha de 208 vans com condutor ou condutora e auxiliar, que deveria ter sido realizada na semana final de março, foi suspensa por determinação do Tribunal de Contas do Estado.

Os critérios da licitação já provocavam um descontentamento dos atuais operadores deste serviço, pois a escolha seria aberta sem levar em conta seus anos de trabalho para a Prefeitura e a qualidade de seu atendimento.

Porém, a situação pode ficar ainda pior, pois o TCE acolheu pedido de uma empresa de Poá que questiona o sistema de contratação de condutores autônomos, como manda a lei municipal, e quer que a concorrência admita empresas.

Com informações do Gru360