Petrobras aumenta em 2,64% o preço do diesel, alta acumulada em 9 meses já chega a quase 40%

A Petrobras elevou em 2,64% o preço do diesel e aumentou em 1,93% o preço da gasolina comercializados nas refinarias. Os reajustes valem a partir de quarta-feira.

Segundo a empresa, o preço do diesel A nas refinarias passará de R$ 2,0045 por litro para R$ 2,0576. E o da gasolina A será elevado de R$ 1,7391 para R$ 1,7727 por litro.

A estatal adota novo formato de preços desde 3 de julho do ano passado. Pelamétodo, os reajustes acontecem com maior frequência, inclusive diariamente.

Em fevereiro deste ano, a empresa passou a divulgar os preços do litro da gasolina e do diesel vendidos pela companhia nas refinarias – e não mais os percentuais de reajuste,

Desde o início do novo formato, em julho do ano passado, o preço do diesel comercializado nas refinarias acumula alta de 38,28%, e a gasolina acumula valorização de 34,96%.

Segundo pesquisa de levantamento de preços divulgada pela Agência Nacional de Petróleo (ANP), o preço médio do litro da gasolina ficou em 4,215 reais na semana encerrada no dia 21. No levantamento anterior, o litro da gasolina estava em 4,208 reais. O maior preço médio foi encontrado no Acre (4,788 reais), enquanto o menor está no Maranhão (3,864 reais).

O botijão de gás de 13 quilos era vendido a 67,09 reais na semana passada, ante 66,87 reais do levantamento anterior. O preço mais alto foi registrado no Tocantins (85,06 reais) — e o mais baixo na Bahia (58,05 reais).

O preço do diesel também subiu, passando de 3,497 reais para 3,515 reais da semana retrasada para a passada. O maior preço está no Amapá (4,475 reais) e o menor, no Paraná (3,307 reais).

O levantamento de preços mostrou que somente o etanol teve queda — de 3,019 reais para 2,971 reais. O etanol mais caro é o do Rio Grande do Sul (4,069 reais) e o mais barato é o de São Paulo (2,802 reais).

Com informações do Valor Econômico e Veja.com