Governo de MG entrega mais 455 novos ônibus escolares adquiridos da Iveco

O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, prosseguiu nesta terça-feira, dia 3 de julho, a entrega do lote de 900 ônibus escolares comprados por meio de licitação da CNH Industrial, detentora da marca Iveco Bus.

A entrega do primeiro lote ocorreu na cidade de Patos de Minas, no Triângulo Mineiro.

Ontem 455 novos veículos foram entregues a 328 municípios, em solenidade na cidade de Sete Lagoas, na região central de Minas. Estima-se que quase 200 mil alunos de escolas estaduais e municipais, moradores de áreas rurais, serão beneficiados com a chegada dos novos ônibus.

Do lote entregue ontem, 186 veículos têm capacidade para 29 passageiros, e os 269 restantes carregam até 59 estudantes.

Os veículos fabricados pela Iveco vão atender a alunos da rede pública em áreas urbanas e rurais, inclusive de difícil acesso e condições adversas de tráfego.

Entre os modelos de carrocerias sobre chassis 70C17 estão o CityClass, da Neobus; WayClass, da Mascarello e SoulClass, da Caio. Já as unidades com chassi 150S21 receberam carroceria SeniorClass, da Marcopolo.

Todos os ônibus têm como item de acessibilidade para passageiros com deficiência, o Dispositivo de Poltrona Móvel- DPM.

O sistema consiste numa plataforma elevatória que permite posicionar a poltrona do lado de fora do ônibus. A pessoa com deficiência senta nesta poltrona que é elevada para o interior do veículo e viaja da mesma forma que todos os outros passageiros no ônibus.

A CNH Industrial e a Iveco Bus dizem que lançaram a tecnologia no Brasil em 2016 e que o SoulClass foi o primeiro micro-ônibus inclusivo do País.

Segundo a Iveco Bus, a venda para o governo mineiro foi uma das maiores negociações únicas de veículos com esta tecnologia de inclusão.

O diretor da empresa para a América Latina, Humberto Spinetti, disse por meio de nota divulgada pela assessoria de imprensa que a tecnologia permite acessibilidade e conforto para os passageiros, facilidade de uso para os motoristas e redução de custos para as empresas e poder público.

“O conceito do projeto é baseado em aspectos como acessibilidade para os passageiros com mobilidade reduzida e benefícios para o operador, solução obtida por meio do inovador Dispositivo de Poltrona Móvel”, afirma Humberto Spinetti, diretor da IVECO BUS para a América Latina.

“Nossos veículos contribuem para que os estudantes possam se deslocar com conforto e sem constrangimento. Isso possibilita maior capacidade de transporte para as prefeituras, com o menor custo por aluno. Temos a tecnologia e, principalmente, o desejo de colaborar por um transporte mais justo”, completa Spinetti.

Na mesma nota, o gerente de vendas ao governo da IVECO, Renato Perrotta, disse que o transporte escolar realizado com segurança e eficiência pode contribuir na qualidade de ensino.

“Essa negociação foi realizada por meio de uma licitação estadual e tem o objetivo de proporcionar transporte de qualidade na rede de ensino do estado”

Com informações do Diário dos Transportes