Sebrae lança desafio #NãoDesistadaEscola a estudantes de escolas públicas de todo o país

Estudantes de escolas públicas devem publicar vídeos nas redes sociais, com a #NãoDesistadaEscola. Os melhores conteúdos serão premiados com notebooks, celulares, tablets ou cursos sobre empreendedorismo.

O Sebrae lançou, em parceria com os Embaixadores da Educação, o desafio #NãoDesistadaEscola. A iniciativa tem como objetivo reduzir os casos de evasão escolar, além de colocar os estudantes de escolas públicas como lideranças empreendedoras de mudanças em suas comunidades.

Para isso, os jovens são estimulados a gravarem vídeos com até um minuto de duração, incentivando os colegas a não desistirem de estudar. Os conteúdos devem ser publicados nas redes sociais, tais como Instagram, Tik Tok e Twitter, acompanhados da hashtag #NãoDesistadaEscola, marcando os perfis @SEBRAE e @embaixadoresedu.

Os quatro autores dos vídeos mais criativos ou com maior repercussão, não necessariamente nessa ordem, serão premiados com notebooks, celulares ou tablets. Os 200 primeiros colocados também ganharão o curso A Arte de Sobreviver no Mundo dos Negócios.

Para participar, é necessário ser estudante de escola pública no Brasil, preencher o formulário de inscrição e estar cursando a partir do sexto ano do ensino fundamental II, até o terceiro ano do ensino médio. Os estudantes podem publicar quantos vídeos quiserem, até o dia 4 de março. A previsão é que o resultado seja divulgado até o dia 30 de abril.

O gerente de Cultura Empreendedora do Sebrae, Gustavo Cesário, destaca a importância do projeto ter como foco o próprio estudante, falando diretamente com seus colegas. “O desafio traz uma proposta de comunicação de aluno para aluno. Acredito que isso irá aumentar o impacto da campanha entre os jovens, ampliando a consciência da educação como prioridade em suas vidas. O incentivo do uso das redes sociais, associado às linguagens da nova geração, vai proporcionar aos participantes esse papel de liderança em suas comunidades. O Sebrae é parceiro nesta iniciativa e junto com os Embaixadores da Educação, vamos construir uma forte corrente para um futuro em que todos possam sonhar, estudar e realizar”, afirma.

A evasão escolar é um dos problemas sociais que foram agravados com a pandemia do coronavírus. O fechamento de escolas, a suspensão e readaptação dos modelos de aulas são alguns dos fatores que dificultaram a vida dos estudantes.

De acordo com pesquisa do DataFolha, feita em setembro de 2020, 31% dos pais de estudantes de escolas públicas temem que seus filhos abandonem a escola. O mesmo levantamento mostra que 4 milhões de alunos já largaram os estudos desde o início da pandemia. A estimativa é que 11 milhões de estudantes possam deixar de ir à escola em 2021.

O edital completo com todas as informações pode ser acessado neste endereço eletrônico https://www.naodesistadaescola.com.br/

Com informações do Sebrae