Vans escolares de Juiz de Fora devem renovar permissão para retornar às atividades

Com o retorno gradual das aulas presenciais a partir da próxima segunda-feira, 20, a Secretaria de Mobilidade Urbana (SMU) da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) informa que os autorizatários, motoristas e monitores responsáveis pelo transporte escolar deverão renovar sua permissão para o transporte de escolares junto à SMU. A renovação é necessária para a retomada das atividades da categoria e a documentação exigida está disponível no Prefeitura Ágil.

As orientações também já foram repassadas para o Sindicato dos Transportadores Escolares de Juiz de Fora (Sintejur) e a Associação Nacional dos Transportadores de Escolares e de Passageiros (Atep) para que possam esclarecer dúvidas da categoria. Segundo dados de janeiro de 2020, existem 301 vans escolares cadastradas junto à SMU.

O secretário de Mobilidade Urbana, Tadeu David, lembrou que a SMU se reuniu em agosto com representantes da categoria. “Inicialmente, a legislação previa que as vans deveriam voltar a operar com um terço da capacidade do veículo, por motivo de segurança. Agora, de acordo com os protocolos sanitários definidos pela Secretaria de Saúde da PJF, esse limite foi ampliado para 50%”, detalhou.

O retorno das aulas presenciais terá início nesta segunda-feira, 20, sendo a primeira semana destinada à preparação dos trabalhadores e trabalhadoras da educação, e as semanas seguintes destinadas ao retorno dos alunos de forma híbrida, facultativa e escalonada. Os alunos da educação infantil retornam presencialmente a partir do próximo dia 27 de setembro, seguidos do ensino fundamental I e Ensino de Jovens e Adultos (EJA), no dia 4 de outubro. No dia 11 de outubro, é vez do ensino fundamental II e ensino médio. O último grupo será dos alunos do ensino superior, no dia 18 de outubro.

Confira as medidas obrigatórias para o transporte escolar:

• Manutenção de janelas abertas;
• Uso obrigatório de máscara durante o trajeto pelo motorista e pelos alunos (conforme indicação da idade);
• Obrigatória a higienização interna do veículo após cada viagem;
• Disponibilizar solução alcoólica a 70% nos veículos do transporte escolar para que os estudantes possam higienizar as mãos;
• Deve ser estabelecido um cronograma para o transporte dos estudantes, com o objetivo de evitar aglomerações na entrada das escolas;
• Em caso de dúvidas sobre as medidas para o transporte escolar, ligue para 3690-1811;

Com informações do portal Acessa